Fazer cliente perder tempo é passível de indenização, diz juíza

Levar o consumidor a perder seu tempo para resolver problemas causados por maus prestadores de serviços constitui dano passível de indenização.
Juíza condenou banco por mau atendimento
Assim entendeu a juíza Eliane de Freitas Lima Vicente, da 10º Vara do Juizado Especial Central de Camp…
Source: teste

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *